Dos microfones e bastidores da inauguração do Shopping Popular

Debaixo de muita chuva, o Shopping Popular foi entregue pela prefeitura de Macapá, neste sábado, 15. Muita chuva e muita gente também.

Mentiu e quase vira caranguejo 

Emanuel Bentes, que é secretário municipal do Trabalho, Desenvolvimento Econômico e Inovação, falou em seu discurso, que recebeu o Shopping Popular em janeiro deste ano, com 45% da obra física concluída. Mas logo em seguida foi desmentido pelo presidente da Associação do Feirantes, Paulo Félix, que agradeceu ao ex-prefeito, Clécio Luis, que retomou a obra, deixando-a quase concluída, e disse que a obra estava 85% pronta em Dezembro de 2020. Assim também fez o autor da emenda do espaço, senador Davi Alcolumbre, que agradeceu o ex-gestor, Clécio, e confirmou o que disse Paulo Felix. O senador Davi sempre acompanhou o andamento da obra do Shopping Popular.

O prefeito de Macapá, Antônio Furlan, ao fazer a entrega, reconheceu o papel do ex-prefeito Clécio, agradeceu o esforço por recursos, do senador Davi Alcolumbre, e disse que a obra não é de político A ou B, mas do povo.

Azedou o tucupi 

Presentes na inauguração do Shopping Popular, o governador do Amapá, Waldez Góes, e o seu vice, Jaime Nunes, parece que não dividem mais a mesma cuia. Se mantiveram afastados durante todo o evento.
Já se observa há algum tempo, que a TV Record, de propriedade de Jaime Nunes, não dá trégua ao governo e ao governador da mesma “chapa”.

  • O Secretário Emanuel Bentes promove mentira tentando desfazer o trabalho, do Ex-prefeito Clécio, a construção do Shopping Popular. Falando em 45% da obra concluída. Também não era 85%.
    Na verdade o percentual era superior a 96%.
    Focando na parte técnica (execução efetiva) e deixando de lado a parte política. Parabenizo a Empresa executora e seus quadros profissionais, desde os seus Engenheiros até os seus Serventes. Todos, dentro de seus limites, contribuirão para o seu êxito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *