Coluna Café com Notícia

Por Ana Girlene

Emergência forjada?

O TCE/AP aprovou, em sessão realizada no dia 27 de março, uma nova Instrução Normativa para disciplinar a fiscalização extraordinária e especial em relação às prefeituras que decretaram estado de emergência administrativa e financeira. Os efeitos serão retroativos e algumas justificativas apresentadas pelas prefeituras poderão sofrer questionamentos e até invalidações.

Ficha Limpa

Mais um instrumento pode ser usado no combate à corrupção. A Lei a Ficha Limpa para secretários deverá ser aplicada em âmbito municipal. O vereador Madeira do PSOL apresentou a proposta em plenário, e acredita que a matéria será aprovada e sancionada o mais rápido possível pelo prefeito Clécio. Nós também!

Grandes Novidades

Um Museu de Grandes Novidades é o nome do livro, lançado na última sexta (5), no Museu Sacaca, para celebrar os onze anos de história do belo lugar. Na ocasião, diversas autoridades, entidades públicas e privadas que ajudaram a reconstruir o espaço foram homenageadas. A procuradora-geral de justiça do MP/AP, Ivana Cei, foi reconhecida por seu trabalho enquanto promotora do Meio Ambiente. Na foto aparece ao lado de Mônica Dias, diretora do Museu.

Minica-Ivana

Surpresa

Mesmo realizando concurso público e empossando servidores, o Governo do Amapá ainda possui mais cargos comissionados que cinco estados com população maior que a sua. Segundo pesquisa do IBGE, são 1,7 mil pessoas subordinadas aos gabinetes do Estado, ficando a frente de Acre, Ceará, Rio Grande do Norte, Santa Catarina e Tocantins.

Revoltante

O sentimento não poderia ser outro. É mesmo revoltante descobrir que 7,1 toneladas de medicamentos, que deveriam estar nos postos de saúde do município de Macapá, ajudando a salvar vidas serão incinerados.  Os remédios, muitos deles caríssimos como os kits para tratamento de HIV, dependentes químicos e muitos outros foram encontrados pela equipe do atual prefeito, com a data de validade vencida.

Negócio da China

O surf em ondas de maré não é patrimônio exclusivo nosso. A Pororoca também acontece em outras partes do mundo. Na China, por exemplo, o negócio rende milhões de dólares desde que foi iniciado em 2008, pelo mesmo surfista desbravador, Serginho Laus, que tenta impulsionar o negócio por aqui há 13 anos. Agora, com a descoberta de que as melhores ondas ocorrem numa região que pertence ao município de Macapá, o Instituto Municipal e Turismo começa a traçar uma rota que deverá render bons frutos para a nossa economia.

Café com a Bancada

Promotores e procuradores de Justiça do MP/AP marcaram café da manhã para segunda (8), às 8h30 no prédio da Procuradoria-geral (Av. Fab) para discussão da Proposta de Emenda Constitucional – PEC 37, em tramitação no Congresso Nacional. A “PEC da Impunidade” como é chamada por àqueles que discordam da ideia quer tirar o poder de investigação dos MPs. “Acho péssimo, péssimo, a sociedade brasileira não merece isso”, disse o presidente do STF, Joaquim Barbosa, sobre a matéria.

Nova direção

De licença do cargo de secretário municipal de saúde, o médico Anderson Walter, deve retomar dedicação exclusiva aos estudos de doutorado. Em seu lugar, assume (interinamente) Rinaldo Martins, que já vem atuando como assessor especial da Prefeitura. A equipe assegura que o trabalho não sofrerá qualquer abalo de continuidade. Quanto às demissões de servidores contratados de forma irregular, muitas ainda devem acontecer, mas as novas contratações, via processo seletivo, ocorrerão concomitantemente.

 

Café Expresso

Teve deputado estadual abrindo o bico nas oitivas convocadas pelo ministro Noronha em Brasília. Sinal de que a “Mãos Limpas” está longe de um fim.

 

Nova secretária de Saúde, Olinda Consuelo, estabeleceu como prioridade máxima colocar o elevador do HCAL para funcionar. Já são mais de dois anos e nada.

 

Sai Tanha Silva e entra Gilvana Santos no comando da comunicação do Ministério Público do Amapá. Boa sorte para ambas.

 

O vereador Washigton Picanço do PSB comemora as mudanças na SESA. Ele teve influência direta nas novas nomeações. Acredita que agora vai!.

 

  • Tenho certeza que alguém pode explicar porque os remédios não foram distribuídos antes de terem a validade vencida…Quem era o responsável pela distribuição dos remédios?….Gente 7(SETE)TONELADAS?….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *