Coluna Café com Notícia

Por Ana Girlene

1. Dalva nega

A deputada federal Dalva Figueiredo nega veementemente qualquer aproximação ou encontro recente com o ex-governador Waldez Góes. Em sua página no twitter disse que defende a reeleição de Camilo Capibeiribe e que suas tratativas políticas são públicas. As questões internas (não tão internas assim) do PT começam a transbordar, afinal, o cheiro da fritura já não está circulando apenas na cozinha do Setentrião.

 

2. Sejuv rifada?

O secretário extraordinário de políticas para a juventude, Alex Nazaré, tem feito um tímido trabalho de divulgação das ações conduzidas pela pasta. Havia grande expectativa de que a SEJUV protagonizasse grandes processos de inclusão e mobilização da juventude, coisa que até agora, não se viu. Os boatos de que Alex deverá cair também são fortes, já que a secretaria teria sido oferecida ao PC do B.

 

3. PEC37

Os delegados de polícia batizaram a Proposta de Emenda Constitucional 37, que limita os poderes de investigação às instituições policiais, de “PEC da Legalidade”. Por outro lado, procuradores e promotores de justiça, indignados com a iniciativa, a chamam de “PEC da impunidade” ou “PEC da corrupção”. O debate, como disse na coluna anterior, começa a esquentar aqui no Amapá. De que lado ficará a nossa bancada federal?

 

4. No rastro do dinheiro  – Foto aqui

Ao encerrar a exposição detalhada das últimas denúncias ofertadas contra dirigentes da Assembleia Legislativa, o promotor de justiça do MP-AP, Afonso Guimarães, disse que “está no rastro do dinheiro dessa quadrilha”. O reforço chega com os ultimatos do Labarotório de Tecnologia contra a Lavagem de Dinheiro, em fase final de instalação no Amapá. É resultado de parceria entre o MP, Sejusp e Ministério da Justiça.

 

 

5. Novidade

Uma nova opção de informação entrará no ar esta semana. Os amapaenses poderão acompanhar tudo o que acontece no Estado, Brasil e no mundo, através do Portal Cotidiano, que primará pelo imediatismo das informações, garantem os idealizadores. A ideia do mais novo portal surgiu no ambiente acadêmico de três jovens estudantes de jornalismo. Promete…

 

6. SOS

Na ultima sexta-feira, 22, Macapá ganhou mais uma ambulância, que estava em manutenção. Dos quatro veículos parados no pátio do Samu, desde o ano passado, três já estão rodando. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a expectativa é que na próxima semana, mais uma volte a atender a população. Tomara!

 

7. Truculência

O estudante Arleson Roberto, 20 anos, procurou a Divisão de Justiça e Disciplina do 6º Batalhão da Polícia Militar para denunciar agressão física que teria sofrido de um soldado da PM. De acordo com o jovem, ele estava na Praça do Barão, reunido com um grupo de amigos, na madrugada do último dia 22, quando foi abordado e levou um tapa no rosto dado por um policial. A razão? Ninguém soube explicar até o momento. Punição? Esperamos que aja.

 

8.Ouvidoria do Setap

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) anuncia a criação de uma ouvidoria. A ideia é ótima, desde que as reclamações, de fato, resultem em melhoria no atendimento aos passageiros. Sugiro que as criticas e denúncias sejam publicadas no site, resguardando as fontes, claro. Assim, a sociedade vai poder acompanhar e cobras as devidas providências.

 

9. Água podre

Moradores do bairro do Trem reclamam da qualidade da água que chega nas torneiras após as constantes interrupções no fornecimento. Uma dona de casa detalha, que a última quinta-feira, quando o líquido voltou a jorrar, o mau cheiro era tão insuportável, que foi preciso lavar as mãos com álcool. Embora parecesse limpa, o odor que exalava, dava a impressão de que vinha diretamente da fossa. Após duas horas de desperdício, foi possível utilizá-la.

 

 

“Infância roubada”

“ Eu não vou dizer que dentro do prédio não possa ter ocorrido alguma situação, mas acho difícil. Cabe agora ao MP investigar essa denúncia”, Regiane Gurgel conselheira tutelar da zona sul sobre as acusações que pensam contra conselheiros, divulgadas em rede nacional pela Record.

 

 

Café Expresso

Conselho Federal de Medicina vai apoiar o direito de a mulher abortar até a 12ª semana de gestação. Assunto polêmico// Mesmo cercado de boa intenção, parece que a ideia do vereador Marcelo Dias de emplacar projeto de lei em Macapá proibindo o uso de celulares em agências bancárias, não tem tido tanto apoio popular assim// Decadente a situação do Macapá Hotel. Ratos e baratas passeiam da recepção aos quartos mofados dos hóspedes//Empresas que participam da licitação de publicidade do GEA duvidam da capacidade técnica da comissão nomeada para analisar as propostas//Novos prazos para a chegada da Banda Larga empurram para julho nossa esperança de uma conexão decente pelas bandas de cá//Dora Nascimento fez visita de cortesia ao prefeito Clécio. Na pauta?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *