Carta de agradecimento

* Juliano Del Castilo. Advogado. Secretário de Estado de Planejamento

 

Estou de saída da SEPLAN para enfrentar outro desafio a convite do Governador Camilo Capiberibe na nova secretaria de Governo no palácio do Setentrião, porém gostaria de pontuar alguns avanços que foram possíveis a partir do trabalho junto a equipe da SEPLAN/AP nestes quase 3 anos.

 

Importante esclarecer que o cenário econômico foi adverso nestes quase 3 anos a frente da secretaria, onde o Pais economicamente cresceu pouco,para se ter idéia desta realidade,se somarmos os dados dos anos 2011,2012 e 2013 o crescimento do Brasil foi de apenas 6.1%,bem abaixo do crescimento que o Pais atravessou antes de 2011,se visualizarmos o crescimento econômico apenas de 2010 que foi 7.5%,maior que todo o período de governo de Camilo Capiberibe,o que deixa claro a retração econômica do Brasil,realidade que afetou diretamente o Amapá, afinal os repasses de FPE são a principal fonte de receita do estado e dependem da economia nacional,além disso tivemos que enfrentar as dificuldades e conseqüências administrativas e financeiras deixadas pela harmonia e o pós operação mãos limpas da PF, que produziu terra arrasada no Estado.

 

No entanto,apesar destas dificuldades em 2011 a Secretaria de Planejamento a pedido do governador Camilo Capiberibe,iniciou atuação decidida em três frentes importantes: Captação de recursos junto ao BNDES,Regularização do Estado e PPA Participativo.

 

O processo de regularização do estado precisava avançar por isso criamos o órgão que não existia dentro da secretaria de planejamento e que hoje coordena e centraliza todas as questões de adimplência do estado, que nos permitiu avançar no processo de federalização da CEA,captar recursos no BNDES e liberar e executar emendas parlamentares.

 

Iniciamos em 2011 o debate e construção com as demais secretarias do governo de duas cartas propostas para apresentar ao BNDES visando a captação de recursos para investimentos, PROAMAPÁ programa de obras e ações do Amapá e Fundo Amazônia para cadeias da biodiversidade que resultaram na Captação de R$ 2,8 bilhões, 1,4 bilhões para federalização da CEA e R$ 1,4 bilhões para investimentos em infraestrutura e também a captação de R$ 40 milhões (não reembolsável) do Fundo Amazônia para cadeias produtivas da nossa biodiversidade.

 

Outra frente importante coordenada pela SEPLAN foi o PPA Participativo construído em 2011 e sua revisão em 2013,processos intensos onde o governo saiu literalmente dos gabinetes acompanhando o governador Camilo Capiberibe para ir ao encontro da população nos 16 municípios do Estado,momento importante de participação aberta do cidadão que pode falar diretamente com o governador e gestores durante as plenárias e reuniões do PPA nos municípios.

 

Contudo gostaria de agradecer toda equipe da Secretaria de Planejamento que foram guerreiros no sentido de garantir que estas prioridades fossem alcançadas e ao governador Camilo Capiberibe que garantiu autonomia e condições para avançarmos no trabalho que creio esta sendo importante no processo de reerguer o Amapá do desastre imposto pelo período denominado harmonia que tanto envergonhou nosso povo.

 

Juliano Del Castilo Silva

  • Tomara que o Ramalho consiga reerguer a Seplan depois de sua saída. Gestão que tanto envergonhou o nosso povo também. Fora Camilo, fora Waldez!

  • Patética … ! … A carta de agradecimento parece mais um pedido de desculpas ! Mas pedir desculpas e demasiado … Exige autoconciencia e humildade que o atual “governo” carece … Jogar a culpa de falta de resultados … no pasado, assim como se vanagloriar com emprestimos bancários, associado ao calote sistemático nas empresas locais como modelo de gestão , e simplesmente medíocre .. O que faltou mais neste Governo foi Planejamento e não foi por falta de técnicos … Por mim a resposta a sua carta e … Já vai tarde !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *