Camilo em Cuba

“Vamos erradicar o analfabetismo no Amapá”, diz governador à ministra da Educação de Cuba

Governador Camilo diz que a meta é erradicar o analfabetismo com maior rapidez e proporcionar a escolarização a toda a populaçãoO governador Camilo Capiberibe e a comitiva amapaense se reuniram na manhã desta sexta-feira, 20, com a ministra da Educação de Cuba, Ena Velázquez Cobiella, para discutir a possibilidade de o Amapá estabelecer cooperação visando à superação do analfabetismo, no âmbito do Projeto de Cooperação Internacional entre o Brasil e Cuba.

De acordo com o governador Camilo, a meta é erradicar o analfabetismo com maior rapidez e proporcionar a escolarização a toda a população, de acordo com o Plano Nacional de Educação.

“Vamos fortalecer, assim, o nosso compromisso com a educação, promovendo o acesso à escolarização com vistas à melhoria da qualidade de vida e o exercício da cidadania”, afirmou.

Ena Velázquez disse que Cuba desenvolve o programa “Sim, eu posso”, que zerou o analfabetismo no país e que já vem sendo aplicado em várias línguas. “Através desse programa podemos ajudar a zerar o analfabetismo no Amapá”, ressaltou a ministra.

De acordo com a secretária de Educação do Estado, Elda Araújo, a cooperação visa desenvolver a formação educacional de jovens maiores de 15 anos, adultos e idosos através da implementação de políticas de formação docente em parceria com o Ministério da Educação de Cuba.

“Nossa expectativa é superar o analfabetismo no Estado do Amapá e garantir a permanência dos alfabetizandos maiores de 15 anos na escola. Pretendemos adaptar metodologias de ensino e os materiais propostos pelo método cubano, que é reconhecido internacionalmente pela eficácia na redução do analfabetismo, à prática pedagógica utilizada na Educação de Jovens e Adultos (EJA) no Amapá”, pontuou a secretária.

Ao final da reunião, ficou acordado que uma equipe do governo cubano vai em outubro até o Amapá para firmar convênio com o Governo do Estado e posterior efetivação do programa.

O governador Camilo Capiberibe e comitiva amapaense visitaram a Escola Integrada Cesário Fernandez Dias, onde conheceram atividades escolares desenvolvidas pelos educadores cubanos.

Eduardo Neves/Secom

  • Bom de discurso, agora na pratica … Nota ZERO .! Seria bom se começasse por devolver os milhões que tomou do orcamento da UEAP para o marketing pessoal, .. digo do Governo , assim como tratar com respeito os verdadeiros agentes de educação, os professores .. Demagogia pura e barata .. Até quando !

    • Demagogia pura!! O ano letivo está acabando e tem escola sem professor em várias disciplinas… Erradicar o analfabetismo?? Essa quero viver pra ver!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *