Argumento de Moisés

Após ter sido barrado para retornar à presidência da Assembleia Legislativa pelo desembargador Gilberto Pinheiro, deputado Moisés Souza (PSC) entrou com recurso para levar a decisão monocrática para avaliação do colegiado. Fontes ligadas ao presidente afastado apontam que um dos principais argumentos no recurso é a “falta de cumprimento do direito vinculante”, isto é, o magistrado não teria seguido decisões do STF, que em outras ocasiões deu liminares favoráveis a Moisés.

É viver para ver!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *