alcinea.com É o melhor da internet

Minha irmã, a jornalista Alcinéa Cavalcante Costa, líder da blogosfera amapaense e reverenciada na blogosfera brasileira, foi agraciada com o prêmio Amapá Destaque, que teve votação pela internet.

O blog www.alcinea.com foi o mais votado como melhor site e vai ganhar o Tucuju de Ouro.

Valeu Mana! Você é The Best mesmo.

  • Bom dia Lene. A Alcinéa é realmente the best, mas vc não fica atrás. Parabéns as duas. Lene, vc também vale ouro.

  • Não é surpresa, em face da conhecida competência da Néa, fruto da boa herança. É uma justa e merecida homenangem. Filha (inclui a Lene)de peixe é peixinho…Parabéns!

  • Parabéns Alcinéa!!, tiro o chapéu para seu blog, o qual tenho muito gosto em seguir todos os dias. Ao contrário de alguns blogs atrelados a conveniencia dos poderosos,você é do tipo que escreve o que quer, quando quer e como quer, se questionada, responde aos seus leitores, não os ignora, ao contrário de certos colegas de mídia.” É com a alma lavada e enxaguada que dou uma salva de palmas a esta figura trepidante e dinamitosa que é Alcinéa, qua não se curva a esta “Impresa” esquerdista comunista, marrozista e badernenta deixando os entretanto e partindo para os finalmentes..”

    Felicidades Menina!! continue assim no combate a estes poderosos que querem nos torna uma verdadeira Sucupira.

    .

  • Peritos criminais denunciam direção da Politec
    “É isso mesmo! Peritos criminais oficiais do Estado do Amapá estão pedindo socorro, por estarem sendo vítimas de perseguições na Politec. Em denúncias feitas ao Ministério Público Estadual, esses profissionais relataram crimes de assédio moral, abuso de autoridade e perseguição pessoal. Segundo os denunciantes, a diretora da Polícia Técnica, Eliete Nascimento Borges e o funcionário Isnard Bezerra de Luna deflagraram uma verdadeira “caça aos peritos criminais” que não concordam com a forma irresponsável com que esta gestora e seu principal colaborador Isnard administram os recursos públicos. Há informações concretas de que o quadro da Policia Técnica, que é composto por cerca de 157 profissionais concursados, entre peritos criminais, médicos legistas, auxiliares de peritos e datiloscopistas, agrega mais uns trezentos funcionários de outras Secretarias como SESA, SEED, Policia Militar, Policia Civil e até da Guarda Municipal. Na verdade, um dos motivos para que funcionários de outras Secretarias desejem tanto ficar a disposição deste órgão pericial são os plantões periciais, que foram criados pela lei estadual nº 980/2006. Segundo essa lei, os plantões seriam devidos à profissionais com atividades técnicas ligadas diretamente às perícias criminais, mas na verdade não é isso que acontece, pois a Politec gasta dinheiro público pagando plantões periciais para cerca de 250 pessoas que não são legitimadas a recebê-los.
    No dia 24 de dezembro, a diretora transferiu oito peritos criminais considerados como desafetos da administração, para os municípios de Oiapoque e Laranjal do Jarí. Desses, quatro buscaram e conseguiram apoio na esfera judicial para permanecerem em Macapá, os outros quatro também conseguiram reverter a situação. Os peritos criminais acreditam que a diretora acabou usando o Ministério Público Estadual para tentar legalizar seu ato de perseguição. Um outro fato que merece averiguação é a existência na Politec de oitenta motoristas para nove viaturas. Os profissionais da perícia acham que o MP amapaense foi induzido dolosamente pela direção da Politec para emitir recomendação solicitando a permanência de peritos criminais nos municípios de Oiapoque e Laranjal do Jarí, pois com base em tal recomendação a diretora imaginava estar legalmente amparada para se ver livre de seus desafetos. Vale ressaltar que a diretora da Politec removeu para Macapá e Tartarugalzinho os peritos do município do Oiapoque, deixando apenas um profissional da perícia naquele município e agora tenta, a todo custo mandar para este município os seus desafetos, sem sequer importar-se com os danos causados as famílias dos mesmos. O grande erro desta gestora, segundo os peritos foi o fato das remoções não terem seguido o devido processo legal, tais como: ordem de classificação em concurso público, critério de antiguidade, impessoalidade, e demais atos que poderiam tornar aquele ato administrativo legítimo. Em uma de suas denúncias ao Ministério Público, os peritos afirmaram que por vezes são fiscalizados por um agente penitenciário deslocado do IAPEN (Gelson Melo) que não possui formação pericial em nenhuma área do conhecimento. Denunciaram também que Isnard Luna, funcionário público federal, recebe dos cofres públicos cerca de R$ 30.000,00 (trinta mil reais) entre subsídios pagos pela União, insalubridade e plantões periciais pagos pelos cofres do Estado do Amapá. Hoje um perito criminal oficial recebe como vencimentos líquidos cerca de R$ 1.700,00 (mil e setecentos reais) e sem dúvida precisa dos plantões periciais para complementar seus vencimentos. Esses plantões representam cerca de 80% de suas remunerações, e a diretora penaliza estes profissionais com a exclusão das escalas de plantões por qualquer motivo e sem o devido processo legal, afirmaram os peritos. Outro motivo elencado pelos peritos para tal perseguição é o fato da iminência de aprovação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários desta categoria, que acabaria de vez com os tais plantões periciais e economizaria cerca de R$ 12.000.000,00 (Doze milhões de reais) por ano para os cofres públicos. Dizem ainda que, sem os plantões a diretora não teria como manter seu curral eleitoreiro. Os plantões pagam muitos de seus ‘cabos eleitorais’ em época de campanha. Então fica aí a denúncia e um pedido para que o Ministério Público Estadual apure”!

  • Não querendo ser estraga prazer, mas sendo um pouco, devo dizer que leio os blogs (seu e de sua irmã) diariamente, além de Correa Neto, Luciana Capiberibe, etc…. E, não vi em lugar nenhum votação sobre o melhor da internet. Acho a Alcinea muito boa, mas também fiquei curioso pra saber como se deu esse premiação. Tem mais, reverenciada na blogosfera brasileira? Desde quando? Como? Sua irmã não precisa deste tipo de coisa!!

    • Thiago. Sei pouco sobre a votaçao. Recebi e-mail do assessor de imprensa do evento, Jornalista Renivaldo Costa, informando que a votaçao estava aberta num desses sites de enquetes e votações. Quanto a Alcinéa ser revenciada na blogosfera brasileira, faça uma pesquisa no google com o nome dela e vai entender por que escrevi isso.. Depois tu pega uma gilette e te corta todinha….Táaaaa meu bem…..

  • Infelizmente não tomei conhecimento da pesquisa na internet, mas se o tivesse, dependendo da categoria, com certeza votaria no blog da Alcinéia e no seu Alcilene.

  • Sou leitor assídou do blog da Alcinéa, entretanto, estou magoada com ela nos ultimos dias.
    Vejam só, ela dar guarida ao maior dedo duro do Amapá que é o Carlos Lobato, o famoso “painho”, eu conheço esta figura desde os tempos do GM, ele dedurava os amigos que aprontavam na escola para a diretoria, lembram.
    Hoje ele pousa de comunicador de meia tigela na rádio do Eraldo mucura preta e continua dedurando quem não sintoniza com suas armações.
    Como já desabafei, não estou mais chatedo com a Alcinéa.

  • Não discordo da competência e do merecimento da Alcinéa, mas também confesso que não vi em nenhum lugar o anúncio do site que estivesse promovendo tal pesquisa. Gostaria que os organizadores nos fornecessem o endereço para que nós pudéssemos acompanhar o desempenho de cada um.
    P.S. A pesquisa pode até ter sido séria, mas aquela história de colocar lado a lado o Jorge Amanajás e o Pedro Paulo deixou muita gente com a pulga atrás da orelha, pareceu coisa armada. Desculpem-me a franqueza.

  • Alcilene, tem um pessoal mordido por ai que não acredita na competência de vocês, ou que ignora isso. A verdade é que a imprensa amapaense sem vocês seria uma lástima. Leríamos sempre que está tudo bem e que nada precisa ser mudado. É pura inveja, e isso mata. Não vi a votação mas isso é coisa que nem preciso ir buscar informações para constatar. Não foi a toa que a Alcinéia, sem pagar, diga-se (ela não tem dinheiro para isso), ganhou um espaço importantíssimo na imprensa nacional e foi reverenciada por centenas de pessoas do Brasil inteiro para a inveja de muitos. A coisa é evidente e nem precisa investigar. Só investiga quem tá se mordendo de raiva a ponto de se cortar com uma gilete como vc diz. Até sei quem está fazendo isso mas não precisa dizer. Tú sabes caruda !

  • Com relação ao comentário anterior gostaria de dizer o seguinte: em nenhum momento questiono que os melhores blogs do Amapá e os mais isentos também são os de Alcilene e Alcinéa Cavalcante. E não é necessário nenhum prêmio para comprovar isso. E longe de mim de pelo menos insinuar que a Alcinéa tenha pago pelo prêmio. Essa é uma acusação que eu teria vergonha de fazer tamanha a credibilidade dela. Fiz apenas um comentário a respeito de algo bastante objetivo. Eu simplesmente não tive notícias mesmo a respeito do site que fez a pesquisa; e todo mundo achou “estranho” o vice-governador e o presidente da assembléia serem chamados ao mesmo tempo. Não vejo nada de mais nisso. Outra coisa, eu sou eu mesmo, um cidadão comum. Não tenho qualquer ligação com partido político nenhum, nem pretendo. Temos que parar com essa mania aqui em Macapá que qualquer crítica que é feita está atrelada a este ou aquele grupo político. Acho que você pode discordar e até criticar o meu comentário, mas jamais querer atrelá-lo a um grupo político para tentar diminui-lo. Por fim, foi um comentário feito com a maior sobriedade, sem o menor rancor ou raiva. Isso a gente deixa paras as pessoas intolerantes, sem visão de democracia.

  • Boa tarde gostaria de comentar sobre a entrevista do candidato ao governo Pedro Paulo, como é que a pessoa tem a cara de pau de falar estamos fazendo…o Rio de Janeiro cópia o estado do AMAPÁ.. ONDE VAMOS PARA 39 PRESOS FUGIRAM DO IAPEM- A SAÚDE UMA DROGA DESCULPA PELAS PALAVRAS…NÃO SOU DE NENHUM PARTIDO.. MAIS FICO indignado com tanta falta de respeito ao povo Amapaense. quero parabenizar você pelo seu trabalho no blog bjos…admiro muito vc..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *