Agosto Dourado: Governo inicia programação de incentivo à amamentação

 

Com o tema “Amamentar é Vida”, o Governo do Estado iniciou nesta segunda-feira, 3, a programação do Agosto Dourado. As ações durante todo o mês serão dedicadas ao incentivo da amamentação e à conscientização sobre a importância do leite materno como alimento principal e mais completo para os bebês.A programação do Agosto Dourado começou com a Semana Mundial de Aleitamento Materno (SMAM), que vai até sexta-feira, 7. Dentre as ações está a entrega de laços dourados e a aplicação do questionário “Sou Amigo do Peito” aos profissionais do Hospital da Mulher Mãe Luzia (HMML).

A avaliação é uma ferramenta para identificar o conhecimento de cada profissional sobre o aleitamento materno e auxiliará em futuras capacitações relacionadas ao manejo clínico e amamentação. O objetivo é garantir que o Hospital da Mulher permaneça com o selo de Hospital Amigo da Criança.

“Nossos profissionais são agentes multiplicadores, fundamentais na atuação do incentivo ao aleitamento materno entre as mães internadas na unidade e por isso precisam estar aptos. O questionário vai nos dar parâmetro de atuação para fortalecer este conhecimento”, explicou a responsável pela Área Técnica de Saúde da Criança do Estado, Rosilene Valadares.

O Agosto Dourado é um símbolo de luta no incentivo ao aleitamento materno não só no Brasil, mas no mundo inteiro. Nas mães, o ato de amamentar evita câncer de ovário e de mama, contribui para que o útero volte ao tamanho normal mais rápido e aumenta a interação com o filho. Nos bebês, a amamentação exclusiva é fundamental, ajuda no crescimento saudável, no bom desenvolvimento, além de prevenir contra diversas doenças.

“O Agosto Dourado e a Semana Mundial de Aleitamento Materno vem para fortalecer o trabalho que realizamos o ano inteiro, pois o leite materno é o alimento mais completo e equilibrado, que atende às necessidades de nutrientes e sais minerais para criança até os seis meses “, reforçou a coordenadora do Banco de Leite Humano (BLH), Larissa Moraes.

Programação

Devido a pandemia causada pelo novo coronavírus, este ano, no Amapá, o formato das ações leva em consideração as medidas sanitárias para evitar a propagação da doença. A programação, coordenada pelo Banco de Leito Humano (BLH) e pela Área Técnica de Saúde da Criança, foi dividida em quatro semanas:

Primeira – de 3 a 7 de agosto
Acontece a Semana Municipal de Aleitamento Materno (SMAM), que iniciou nesta segunda-feira, 3, com ações de entrega de laços dourados e a aplicação do questionário “Sou Amigo do Peito” aos profissionais do Hospital da Mulher Mãe Luzia (HMML).

Segunda – de 10 a 14 de agosto
Uma Rede de Lives abordando assuntos relacionados ao tema da SMSM, que em 2020 é “Apoie o aleitamento materno por um planeta mais saudável”. Com objetivo de reforçar a amamentação ao mesmo tempo que trabalhar a sustentabilidade.

Terceira – 17 a 21 de agosto
Será um momento dedicado às mães que amamentam e que doam leite. Com depoimentos para a produção de um vídeo, sorteios pela internet de brindes, máscaras, frascos de álcool gel e camisetas do Agosto Dourado.

Quarta – 25 a 27 de agosto
Acontece a Programação Científica por videoconferência, que terá o apoio do Núcleo de Educação Permanente (NEP) do HMML, e na ocasião serão abordados assuntos relacionados ao Aleitamento por um Planeta Mais Saudável; Mastite; O Impacto da Anquiloglossia na Amamentação (língua presa); Controle de Qualidade do Leite.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *