A Banda vai mudar o trajeto este ano

Na terça-feira de carnaval, como ocorre há 49 anos, o tradicional bloco A Banda passa pelas ruas e avenidas do Centro de Macapá, arrastando uma multidão de foliões, que brinca o último dia de festa. Este ano, o bloco mudará o trajeto e, consequentemente, os locais das arquibancadas, para dar mais conforto e acesso livre aos brincantes e aqueles que vão ver A Banda passar.

Nesta terça-feira, 14, os organizadores do bloco reuniram com o secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Marcos Roberto Marques, para expor o novo trajeto e os novos pontos onde serão colocadas as arquibancadas. Segundo José Figueiredo de Souza, um dos organizadores da A Banda, à reunião com o secretário foi muito positiva, já que foram debatidos os novos pontos das arquibancadas.

“Este ano resolvemos mudar os locais das duas arquibancadas, para dar mais espaço aos que nos acompanham. Uma será colocada na Avenida Feliciano Coelho e outra na Avenida Ernestino Borges. Com isso, à população terá pontos de acesso diferentes para assistir A Banda passar”, destacou.

Novo trajeto da A Banda

Conforme foi solicitado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e pelo Ministério Público Estadual, o trajeto foi alterado. O bloco não vai passar mais pela Avenida FAB, onde estão localizados hospitais, cujos portões serviam de banheiros para os foliões. A multidão de foliões também prejudicava a passagem de ambulâncias. O novo trajeto do bloco é o seguinte: Avenida Presidente Vargas, Cândido Mendes, Feliciano Coelho, Leopoldo Machado, Ernestino Borges, São José até a Praça Barão do Rio Branco.

(SECOM)

cropped-Banda-Diario-1.jpg

  • Salvo engano, no trajeto mencionado faltaram ser mencionadas a Av. Henrique Galúcio e a Rua Tiradentes. Muito embora o trajeto com a Av. FAB já se fizesse parte da história da Banda, considero a decisão bastante sensata.

  • Uma sugestões para os organizadores:
    – Ao longo do percurso, colocar banheiros químicos, pronto, resolvido ai mantém-se o trajeto tradicional na Av Fab.

  • A cidade cresceu e a Banda também… já era tempo de mudar o trajeto para não obstruir a prestação de serviços

  • Acabou o sossego de quem mora na Presidente Vargas.
    Como eu sei que não colocarão banheiros públicos, nossos portões é que servirão de banheiro para os bêbados.

  • Os banheiros químicos já existem, é importante verificar a questão da iluminação pública que é muito deficitária. Nossas ruas estão as escuras, a cidade cresceu…A CEA tem que agir, pagamos um preço muito alto para vivermos na escuridão, os malacos adorammmm.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *