O Município de Macapá segue de forma contínua o combate às lixeiras viciadas na capital. Esta semana, esforços se voltaram para uma lixeira no fim da Cuba de Asfalto, dentro da área do Exército. Foram retiradas 22 toneladas de lixo e entulho.

Garrafas de vidro e plástico, resto de obras, pedaços de eletrodomésticos e eletrônicos foram os objetos retirados da área. Mas havia muito caroço de açaí e também entulho de obra. O descarte correto desse material deve ser feito por meio de um contêiner, que deve ser contratado pelo responsável do entulho.

A limpeza da área pela prefeitura é decorrente de um Termo de Parceria entre Município, Comando da Fronteira Amapá e 34º Batalhão de Infantaria de Selva. “Esse documento garante que a prefeitura faça a limpeza. Encontramos muitas lixeiras viciadas, entulho e resto de obras”, informa o chefe da Divisão de Limpeza, Adrian Castelo.

Fotos: Gabriel Flores

Ascom-Semur