A obra do prédio da Assembléia Legislativa do Amapá está parada.

Com um orçamento de mais de 100 milhões ao ano para 24 deputados, a adminstraçao da AL não consegue terminar um anexo de prédio que custa 8 milhões.

Deputados acham que é “má gestão”.