Moradores da Zona Norte de Macapá poderão resolver seus pequenos conflitos a partir desta segunda-feira, 24, em seu próprio bairro.
O Ministério Público Estadual inaugurou na sexta-feira, 21, o segundo Núcleo de Mediação Comunitária, denominado Caroline Camargo de Rocha Passos. No local, moradores do bairro Brasil Novo e adjacências poderão resolver pequenos conflitos, sem precisar recorrer à Justiça.
A equipe responsável para atender a comunidade é formada por 32 líderes comunitários “mediadores” da Zona Norte de Macapá, capacitados durante o curso “Solução de conflitos e mediação” ministrado pela ex-assessora jurídica do MP-AP, Caroline Camargo.
“Fui uma das alunas capacitadas pela professora Caroline, que hoje nos deixa saudades, mas tenho certeza que junto com as demais lideranças iremos colocar em prática tudo que nos foi ensinado por ela, em prol da comunidade”, declara emocionada a presidente do Conselho Comunitário do bairro Brasil Novo, Rochelândia da Silva.
Entre os presentes esteve a procuradora de Justiça Maria do Socorro Milhomem, o promotor de Justiça Paulo Veiga, coordenador do programa e o coordenador do curso de Direito da FAMAP, Leoremi Furtado.

Inauguração do Núcleo de Mediação Cominitária