É com pesar que o Ministério Público do Amapá (MP-AP) manifesta suas condolências aos familiares, amigos e ex-alunos do professor Antônio Munhoz Lopes, pela irreparável perda para a educação e cultura do Amapá. O mestre da literatura, como era reconhecidamente chamado, partiu nesta segunda-feira (22), deixando um legado imensurável para os amapaenses na construção de cidadãos e da história do Estado.

Formado em Direito, o paraense Antônio Munhoz aqui fixou morada e dedicou uma vida ocupando vários cargos na administração pública, contribuindo sobremaneira para a construção do patrimônio imaterial do povo tucuju.

Membros e servidores do MP-AP desejam, ao professor Munhoz, um descanso eterno na Glória do Senhor.