A trágica notícia deixou o amanhecer de Macapá em choque ontem, quinta-feira.

A professora Fabíola Pimentel e seu filho Vítor, morreram queimados em um incêndio na casa em que moravam. O incêndio pode ter sido causado por uma vela. Fabíola era católica e costumava manter uma vela acesa em seu altar, segundo uma amiga.

Logo depois das 5:00 horas da manhã os vizinhos ouviram gritos de socorro e pensaram ser assalto. Logo viram que era incêndio, mas as chamas já estavam altas. Fabíola tentava sair e gritava para que salvassem seu filho. Conseguiu abrir a porta, mas não a grade com cadeados. Grades com as quais tentamos nos proteger. Fabíola morreu na grade com o filho logo atrás.

Fabíola era alegre, sorridente  e trabalhadora. Era coordenadora do ensino fundamental 1 do Colégio  Podium e professora na escola Paulo Freire.

Os dois estão sendo velados na Funerária Santa Rita. O enterro será às 10 horas no cemitério do buritizal.