Famílias vítimas da inundação ocorrida no município de Calçoene, distante 374 quilômetros da capital, receberam neste domingo, 26, gêneros alimentícios e colchões. A entrega foi feita por equipes da Defesa Civil Estadual, militares do Corpo de Bombeiros e da Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (Sims).

No município, o rio chegou a subir mais de três metros acima do limite normal e afetou 299 famílias, sendo 264 na área urbana e 35 na área rural, o que corresponde a cerca de 1.200 pessoas. Cerca de 19 famílias ficaram desalojadas. Segundo a secretária de Estado da Inclusão e Mobilização Social, Nazaré Freitas, os bairros mais afetados foram da Cea, Beira Rio e Comunicações, tendo este último cerca de 100 famílias afetadas pela inundação.