É com imenso pesar que este blog informa que faleceu hoje, domingo, às 07:15, o jornalista Antonio Corrêa Neto, aos 74 anos. Ele teve uma parada cardíaca na madrugada, foi para a UTI do Hospital São Camilo, mas não resistiu.

correaneto-1

Corrêa, o nosso querido Corrêa Neto, foi um dos mais combativos jornalistas do Amapá.

Atuou em rádio, jornais e TV, e foi um dos primeiros a acreditar na internet como uma grande ferramenta de democratização da informação, quando colocou no ar o seu bombado site www.correaneto.com.br. (Corrêa ria muito comigo quando eu chamava o correaneto.com de “bombado site”).

Foi diretor de jornalismo da TV Amapá e por muitos anos conduziu o “Bom Dia Amapá”, onde fez memoráveis entrevistas. Um grande entrevistador.

O jornalismo corria em suas veias, como sangue. Já prejudicado pelo diabete, doença que convivia há muitos anos e que, trouxe-lhe limitações na visão e nos membros inferiores, com um computador e um telefone, Corrêa se mantinha no topo dos jornalistas mais bem informados, movimentando seu site e dando em primeira mão notícias no twitter.

Sem dúvida, uma grande perda para o Amapá e para o jornalismo livre.

Mas o conforto vem da certeza que ele será festejado pelos anjos do Senhor e muito bem acolhido pelo Pai.

Seu aniversário de 70 anos

Seu aniversário de 70 anos

Eu e ele na Banca do Dorimar. Outro domingo

Eu e ele na Banca do Dorimar. Outro domingo

Choro pela tua partida física Corrêa Neto. Pronto.

E peço a Deus que conforte com Seu Amor o coração da minha querida Márcia, companheira inseparável desse pai. Dos dedicados filhos Eduardo, Marcelo, Paulo André. Das netas Juliana e Janaína, que moravam com ele. Ana Mércia, Ana Luíza e Ana Alice, e dos outros netos que aumentavam sua alegria. Da Dra Vera, ex-esposa e eterna amiga. E da Richene, namorada e companheira carinhosa.

correa

Corrêa Neto com meus irmãos Alcione e Alcinéa, desfilando pela Unidos do Buritizal, que homenageava meu pai, Alcy Araújo

 

O velório de Corrêa Neto acontece a partir das 12 horas, deste domingo, na Capela Santa Rita, na avenida Mendonça Furtado, próximo ao Hospital São Camilo.