Sou Hugo, fui jurado no quesito Fantasias e Adereços, e estou extremamente indignado com as colocações que estão fazendo em desfavor dos jurados. Penso que há vários pontos a serem analisados.

1- Não se pode generalizar a atitude de um e estereotipar os outros jurados que julgaram na maior lisura. E, ainda assim, devemos dar a oportunidade do jurado da nota da discórdia (9,1) se defender. As pessoas esquecem que nós justificamos as nossas notas. É só analisar a justificativa para tal nota e tirarem suas conclusões.

2- Nem sempre a escola mais bonita (na visão empírica) é a escola vencedora. Para ser campeã, a escola há de ser impecável TECNICAMENTE, e nós jurados estamos para analisar tecnicamente a escola, e não de acordo com o frissom da torcida e com as opiniões antes mesmo do desfile. Nós enxergamos o que muitas pessoas na arquibancada não enxergam, pois os mínimos detalhes estamos analisando, e numa visão privilegiada. O público vê o desfile por uma outra percepção, analisa o desfile pelo conjunto.

3- A Escola Boêmios do Laguinho, de fato, estava muito bonita e contagiante. Entretanto, posso responder pelo meu quesito (e aí aproveito para justificar minha nota 9,7, a qual foi descartada). As fantasias da Escola realmente eram as mais bonitas, melhor acabadas, muto bem trabalhadas nos materiais e detalhes, entre todas as Agremiações. Porém, para este quesito, não se pode analisar a fantasia pela fantasia, e sim, a fantasia pelo enredo, ou seja, a fantasia de acordo com a porposta da planta baixa, que é dado para nós jurados como forma de nos auxiliar no julgamento no dia do desfile. Percebi que as fantasias da Boêmios estavam extremamente semelhantes, em todas as alas. Prejudicando na originalidade e na diferenciação das alas. Do início ao fim, as fantasias das alas foram trabalhadas na mesma estrutura e forma. O que mudava eram as cores e outros detalhes. Poderiam explorar os adereços de mão e cabeça, por exemplo, para transpor a proposta, a mensagem, de cada ala.

O que eu quero dizer é que, para um olhar leigo, aquelas fantasias, e outros quesitos talvez, a escola merecia nota máxima. Se no meu quesito alguns jurados proferiram nota 10, é porque a percepção deles foi outra. E é por isso que há mais de um julgador por quesito, para que cada um observe uma concepção diferente que o outro possa não perceber.

4- Certamente aquela nota 9,1 ia ser descartada. Então acho que foi precipitada a atitude da diretoria da Escola. E, mais uma vez, é por isso que este ano resolveu-se aplicar a metodologia de descarte das notas mais baixa e mais alta, para minimizar as disparidades entre notas.

5- Houve radialista que pronunciou o nome de cada jurado publicamente e atraiu o adjetivo de burro para nós, jogando a opinião pública contra nossa reputação.

Agora estamos sendo condenados indevidamente e prejudicados quanto a nossa bonificação, pois passamos por um desgaste e dedicação muito grande para exercer tal atividade. Uma vez que ela foi suspensa até que se resolva o caso.

É unânime que o carnaval na Ivaldo Veras este ano foi um dos mais belos já visto, em termos de organização e beleza proporcionada pelas Agremiações. E é muito triste que esse brilho tenha se manchado por este episódio lamentável.